Amigo Mala,

A nossa maravilhosa viagem pelos países nórdicos continuou em Estocolmo (leia também sobre Copenhague e Helsinque). Chegamos ao aeroporto às 10h30 e seguimos para o nosso Hotel Radisson Blu Waterfront (end. Nils Ericson Plan 4). Optamos por fazer o trajeto de táxi (€60) e você já sabe o motivo, não é?  Isso mesmo, estávamos com outros dois casais. De trem o percurso custa cerca de €30 por pessoa (Arlanda Express, 280 SEK).  De táxi o percurso durou cerca de uma hora.

Um parêntese muito importante: O Hotel Radisson Blu Waterfront oferece um excelente custo benefício e fica bem localizado, em frente a Estação de Trem!! O Restaurante dele é bom, e aplica preços justos!

Após realizamos o check in e saborearmos um delicioso almoço no restaurante do Hotel, seguimos para região de Gamla Stan, onde visitamos o Palácio Real, a  Catedral de Estocolmo e o Nobel Museu.

Palácio Real (Kungliga Slottet): Entrada pela via the West Vault from the Outer Courtyard. Aberto das 10h às 17h. O ticket custa 160SEK, ou seja, cerca de €16. A visita é muito boa, e você  saberá um pouco mais sobre a Rainha Sílvia, conhecida como a Rainha Brasileia, que é na verdade descendente da família REal Portuguesa e fiha de mãe brasileira, e pai alemão. Dica: guarde o ingresso porque quando você passa de uma área para outra eles solicitam a  apresentação.

 

Catedral de Estocolmo (Storkyrkan):Trångsund 1, 111 29. Aberta das 09 às 18h. É a mais antiga igreja de Estocolmo e a sede da diocese de Estocolmo. É uma belísisma a homenagem a São Nicolau.

Nobel Museu –  (Börshuset, Stortorget, Gamla stan, Stockholm):  O Museu, como o próprio nome sugere, é dedicado ao prêmio em si, bem como aos ganhadores. Ele não abre às segundas. Fique atento. A visita  é legal, mas não dura mais de 90 minutos. O  ticket custa 120SEK, aproximadamente €12.

Neste dia jantamos no animado Aifrug Krog Bar, conhecido como o restaurante dos vikings. A comida é boa, mas “primitiva”, já o ambiente é um show! Merece muito a visita e fará você se sentir um viking. Reserve antes! Ele abre das 17h às 23h.

No dia seguinte, fomos ao Vasa Museu. O ticket custa 130SEK (€13). O Segundo registrado no museu, o Vasa é o único navio de guerra do Século XVII existente no mundo. Com 95% do seu casco conservado. Ele é impactante, não apenas pelo tamanho, mas também pela ornamentação (todo talhado). Ele afundou no dia 10 de agosto de 1628, logo após ter deixado o porto de Estocolmo, provavelmente com destino a Polônia, e apenas 333 anos depois foi encontrado.

Depois da visita, seguimos até o Museu Abba, onde almoçamos e nos divertimos muito!!! É aquele museu para quem gosta da banda  está viajando em grupo! O ticket custou 250 SEK (€13).

No nosso terceiro dia na cidade, aproveitamos para conhecer o Palácio Drottningholm, declarado Patrimônio Mundial pela Unesco em 1991. A Ilha da Rainha, fica nas imediações de Estocolmo, e é a Residência Oficial da Família Real.

Não se trata de mero palácio, mas de verdadeiro complexo que abriga: o palácio propriamente dito, o teatro, o pavilhão chinês e os jardins. Reserve pelo menos 06 horas para ir até lá e conhecer a ilha.

 

No último dia, aproveitamos para conhecer a Stadshuset (Prefeitura). Visita imperdível!!!!!  Ela é obrigatoriamente guiada (09h às 15h30, a cada 30 minutos). O ticket custa 110 SEK(€11). Além de poder visitar a área e o prédio da prefeitura, você vai se emocionar no salão onde acontece o jantar de premiação do Prêmio Nobel. Lindo!!!!!!!!!

Encerrado o tour que durou cerca de 1 hora, fomos flanar pela cidade, passando pela praça Karlaplan, pela Narvav e andamos até a Strandvagen, depois pegamos a Birger Jarlgatan com destino a Stureplan.

Ao final, jantamos no Mercado de Ostermalms. A comida estava boa, mas não valeu o que pagamos. Então a dica é: vá até lá para conhecer, e jante em um restaurante da sua escolha.

E aí, vainamala?